Renda renascença (em andamento)

Você tem um gostinho pessoal pela renda? Hoje presente em vários objetos de decoração e peças de roupa, esse trabalho tem origem em uma tradição muito delicada e antiga, que faz parte da história de nosso país há muito tempo.

Muitas décadas atrás o povo de nossa querida região nordestina, especificamente de Pernambuco, absorveu a tradição da renda renascença, um tipo incrível de trabalho que nasceu na Europa. Os portugueses foram os responsáveis pelo contato inicial com a técnica, que logo foi assumida pelos artesãos. 

Resultado de imagem para renda renascença
Com habilidade, peças de roupas inteiras podem ser construídas através das rendas.

Dedicação muito bem recompensada

De qualquer forma, hoje esse exuberante artesanato já ultrapassou as fronteiras das cidades nordestinas, ganhando fãs em outros estados e até em outros países da Europa, Ásia e América.

Ao bater os olhos em peças de renda renascença, é fácil nos perder nos detalhes, enxergando desenhos infinitos feitos pelos fios. O resultado é fruto de um trabalho de muita dedicação das rendeiras, que podem levar vários meses para terminar um trabalho.

Os vestidos de noiva, por exemplo, tão cobiçados pelos apaixonados pela renda, costumam levar de oito meses a um ano para serem feitos!

pernambuco_estrelas_artesanato_2 (Foto: Antonio Melcop/Divulgação)
Artesã trabalhando em renda na cidade de Poção, capital oficial da renda renascença. Fonte: Globo.

As rendas de Helena

Mesmo sendo tão tradicional, em mãos certas como as de Helena Kussik essas rendas podem criar novas formas, numa espécie de trabalho bem inusitado. A artista, que estuda moda há muito tempo, se especializou em trabalhos manuais como o bordado, produzindo peças incríveis – ela já chegou a dar uma aula pra gente aqui na Micapullo.

Helena ficou tão interessada na renda renascença que decidiu explorar o assunto em seu mestrado, e seu estudo não foi brincadeira. Ela viajou até a cidade nordestina de XXXXX e aprendeu com as rendeiras as técnicas que criavam essas peças incríveis. Não foi fácil, mas dê uma olhada no resultado.

FOTO

Na experiência… (falar mais sobre)

Não é incrível saber que, com doses certas de dedicação, carinho e paciência é possível criar peças tão incríveis? Certamente essas rendeiras nos mostram isso.

E caso você tenha interesse em colocar as mãos nos fios e produzir suas próprias rendas, coloque seu nome no formulário abaixo. Logo mais estaremos abrindo uma nova oficina de renda! Vem vem!

Igor é redator publicitário há seis anos e professor de escrita criativa há dois. Já trabalhou em portais paranaenses como colunista e, atualmente, desenvolve seus estudos textuais como residente do Ateliê SOMA, em Curitiba. Amante da Sociolínguística, compreende a escrita como comunicação, jamais como uma formalidade e aqui no blog escreve sobre tudo o que tangencia o nosso universo.

Agulhas novas!

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Maecenas pellentesque mollis mi, eu pharetra dolor tempor et. Praesent id diam tristique nisi congue ornare vitae ac ex. Proin a aliquam libero, non hendrerit leo. Suspendisse potenti. Aliquam dapibus consectetur ultricies. Aenean ac elit quis nisi blandit sodales eget id lectus. Etiam lacus sapien, porttitor vitae placerat et, iaculis eu justo. Suspendisse elementum elit varius, ultricies arcu in, facilisis enim. Quisque ornare dolor ac pretium congue. Donec vehicula aliquam consequat.

Buscamos o contato próximo com nossos clientes e parceiros, e acreditamos no enriquecimento cultural proporcionado pelo design.